In news

A segunda edição do Portugal Air Summit 2018 contou novamente com a participação da APANT, Associação Portuguesa de Aeronaves Não Tripuladas, que formou parte de um interessante painel no dia 24 de maio sobre a legislação e os novos desafios para Portugal do setor das aeronaves não tripuladas.

Com a moderação da jornalista da RTP Cristina Esteves, o painel estava composto por Marília Frias, associada da Vieira de Almeida (VdA), Carlos Seruca Salgado, Vice Presidente da ANAC, Coronel Carlos Paulos, da AAN – Autoridade Aeronáutica Nacional, Superintendente-chefe Luis Farinha, diretor Nacional da Policia de Segurança Pública (PSP), Major Marcelo Filipe Ferreira Lourenço Pessoa, da GNR e Gonçalo Matias, Presidente da APANT.

Após mais de 1 ano desde a implementação do regulamento da ANAC, Regulamento n.º 1093/2016, todos os participantes destacaram a efetividade das medidas contempladas no mesmo com o objetivo de promover a segurança e o desenvolvimento deste setor. Prova deste dinamismo a AAN tem visto aumentar exponencialmente o número de pedidos de autorizações, situação que demonstra o interesse por este setor e a sensibilidade e consciência dos seus utilizadores pelo cumprimento das disposições legais. Neste sentido, foi anunciado que a AAN estar a testar uma nova plataforma para facilitar o processo de pedido de autorização, ferramenta que estará interligada com os sistemas da ANAC e das forças de segurança pública.

Foi referido que o lançamento da regulamentação europeia será o passo seguinte que virá definir e consolidar algumas das medidas necessárias para a implementação do conceito U-Space para a prestação de serviços com aeronaves não tripuladas.

O Presidente da APANT, Gonçalo Matias, destacou o significativo desenvolvimento e impacto deste setor na sociedade.  Transmitiu a importância de um apoio das Autoridades e organismos do Estado a este setor tendo em conta a importância económica deste setor que está a ser antecipada pelos profissionais e pela Comissão Europeia.

A APANT, como associação representativa do setor, está a desenvolver um intenso trabalho a nível nacional e internacional por forma a promover o desenvolvimento sustentável deste setor em Portugal. Para mais informação consulte a web da APANT www.apant.pt

 

Share This