In news

A última edição da revista Flight Level (número 48), da Associação Portuguesa dos Controladores de Tráfego Aéreo (APCTA), contou com a participação da APANT que pôde apresentar os progressos no desenvolvimento do setor das aeronaves não tripuladas e da sua progressiva integração no espaço aéreo. A APANT destaca a especificidade da profissão do controlador de tráfego aéreo e a importância de a respetiva formação dever incluir também competências no âmbito das aeronaves não tripuladas, preparando estes profissionais para a evolução esperada da integração destas aeronaves no espaço aéreo.

A APANT apoia a integração segura, sustentável, justa e eficiente das aeronaves não tripuladas no espaço aéreo português, focando-se em promover a informação, sensibilização e formação de todos os stakeholders como base essencial à segurança operacional.

Os utilizadores de aeronaves não tripuladas devem procurar, junto da APANT e das outras entidades oficiais (governamentais ou não), informação que lhes permita conhecer a cultura aeronáutica e adquirir ou melhorar as suas competências aeronáuticas, essenciais à utilização de aeronaves não tripuladas e ao correspondente uso do espaço aéreo, que é de todos.

O setor das aeronaves não tripuladas veio dar começo a uma nova era no mundo aeronáutico – e no processo de integração segura é essencial a partilha de conhecimento entre as diferentes classes de pilotos, pilotos-remotos e controladores de tráfego aéreo.

Desejamos a todos os associados bons voos, em segurança.

FlightLevel_#49-OUT19_LadoAr

 

 

Fonte: Revista Flight Level | APCTA (Associação Portuguesa dos Controladores de Tráfego Aéreo)

Share This